Artigos

Publicidade
Publicidade
Relacionamento

A importância de estimular um ambiente de trabalho diversificado

A pluralidade pode proporcionar harmonia e criatividade entre as equipes, bem como maior eficiência para toda a organização, mas é preciso evitar a falsa pluralidade

Por Daniela Aiko - 09/12/2019

Você já parou para pensar nos impactos positivos que a diversidade pode proporcionar à sociedade? Programas de inclusão social, expansão cultural e de ideias, empatia e solidariedade entre as pessoas são apenas alguns dos exemplos cruciais que o respeito mútuo e a convivência podem oferecer.

Quando pensamos no ambiente corporativo não seria diferente, não é mesmo? Afinal, com tamanha pluralidade, é possível que nossas empresas se desenvolvam cada vez mais, aperfeiçoando, inclusive, em tomadas de decisões mais assertivas, na expansão da criatividade e na inovação interna, por exemplo.

Para se ter uma ideia, de acordo com um levantamento realizado pela consultoria McKinsey, foi constatado que a diversidade no processo de recrutamento é responsável pela entrega de resultados 25% mais eficientes. Dessa maneira, a pluralidade se tornou um fator essencial, merecendo atenção de todo o universo empresarial. Acompanhem!

Desenvolvendo um ambiente diversificado

Quando pensamos na pluralidade dentro das companhias, um grande problema que ainda enfrentamos é a resistência dos gestores por quaisquer mudanças na cultura organizacional.

Apesar disso, felizmente, o cenário está evoluindo, de modo que a percepção das pessoas muda progressivamente e as organizações percebem a cada dia a necessidade de um ambiente acolhedor e plural. Pensando nisso, para incentivar a diversidade no ambiente de trabalho, algumas práticas são essenciais, tais quais:

  • Programas de inclusão que incentivem o engajamento coletivo;
  • Promoção da interação e conhecimento de diferentes culturas;
  • Desenvolvimento de um ambiente sem preconceitos.

Benefícios da pluralidade corporativa

Não há dúvidas de que a construção de um ambiente plural exige esforços contínuos, não apenas dos gestores de uma organização, mas de todo o seu time. Se bem realizado, os benefícios são incontáveis, proporcionando alinhamento e harmonia entre as equipes e melhores resultados para a empresa como um todo.

Entre os benefícios, vale citar:

  • Maior criatividade: quanto mais diversidade, novas perspectivas e pontos de vistas são analisados, ampliando, assim, as ideias inovadoras que podem gerar bons frutos às empresas;
     
  • Reputação da empresa: a intolerância deixou de ser bem vista há tempos. Além disso, valorizar a inclusão é um fator importante para a imagem de qualquer organização com o seu público;
     
  • Redução de conflitos internos: com a construção de uma cultura de diversidade, automaticamente se cria, também, uma relação de respeito. Isso melhora a convivência entre os profissionais, tornando o dia a dia mais harmônico e pacífico;
     
  • Melhores resultados: uma vez que a diversidade proporciona a união e respeito entre as pessoas, é possível que ela promova, ainda, a colaboração entre os profissionais, tornando o ambiente cada vez mais estimulante, motivador e, por conseguinte, eficiente.

Para finalizar, acredito que a construção de um ambiente plural deve ser feita de forma natural, em que todos os envolvidos acreditem na importância dessa ação e estejam dispostos a transformarem continuamente a cultura organizacional da companhia. Afinal, todas as empresas têm um papel essencial para o desenvolvimento de uma sociedade cada vez mais pluralista e com multiplicidade cultural.

Mas temos de tomar o cuidado ao nos deparamos com a falsa pluralidade e nos atentarmos ao que, de fato, a palavra representa. De nada adianta implementar uma cultura diversa dentro de uma corporação, sem respeitar as individualidades de cada um. Respeito é a palavra-chave!

Por: Daniela Aiko

Diretora de Atendimento na ÍONZ, agência digital referência na geração de valor aos negócios