Artigos

Publicidade
Publicidade
Planejamento Estratégico

Igualdade de concorrência

Especialista traz a questão de igualdade ao mercado de trabalho e aos bastidores das ações

Por Celio Ashcar Jr. - 16/06/2021

Muito se fala de igualdade de raça, de gênero, de classe social, mas pouco se fala de igualdade de concorrência.
 
E o que é igualdade de concorrência?
 
Antes de responder, vamos entender o que é igualdade.
 
Quando você digita “igualdade” no Google aparece: 
 
“Igualdade é a ausência de diferença. A igualdade ocorre quando todas as partes estão nas mesmas condições, possuem o mesmo valor ou são interpretadas a partir do mesmo ponto de vista, seja na comparação entre coisas ou pessoas.”
 
A igualdade busca tratar todos da mesma forma, respeitando suas chances de ter o mesmo tratamento, espaço e direitos.
 
Ainda vivemos num mundo desigual. Muitos falam e poucos praticam a igualdade. Mas os poucos que praticam já ajudaram em algumas conquistas memoráveis na busca de um mundo mais justo para todos. 
 
Muitos que trabalham com Live Marketing já receberam o seguinte convite: 
 
“Sua agência gostaria de participar de uma concorrência não remunerada para ser uma das agências homologadas e participar das concorrências job a job?”
 
Sim, você leu direito. O convite é para participar de uma concorrência simplesmente para ter direito de participar de outras concorrências.
 
Essa é uma prática comum no mercado de Live Marketing. Para quem não sabe o que é Live Marketing eu explico rapidamente: 
 
“Live Marketing é uma atividade da comunicação que realiza experiências entre pessoas e marcas de forma direta, impactante e memorável através de suas ferramentas, como eventos, promoção, PDV, ativação, incentivo, trade, conteúdo e mídia.”
  
 Ah, entendi! O Live Marketing é uma atividade da comunicação igual à Propaganda e a Relações Públicas. Sim, isso mesmo. Realizamos atividades da comunicação e ajudamos empresas nas estratégias de marca e impulsionamento de vendas. 
Mas, pera aí! Se o Live Marketing é uma atividade da comunicação, por que é tratado de forma diferente no processo de concorrência?
 
Pronto!!! Agora vamos começar a falar de igualdade de concorrência.
 
Uma empresa, quando decide escolher uma agência de Propaganda ou de Relações Públicas, faz o seguinte o convite: 
 
“Sua agência gostaria de participar de uma concorrência para ser a nossa agência num contrato de 2 anos, podendo ser renovado por mais 2 anos?”.
 
Estou há mais de 25 anos atuando no mercado de comunicação. Sou empresário e sócio de uma admirada agência de Live Marketing, mas já fui cliente, veículo, professor e dirigente de uma entidade do setor. Com toda essa experiência, eu nunca consegui ter uma resposta aceitável para uma simples pergunta:
 
“Se também realizamos uma atividade da comunicação, por que as agências de Live Marketing não recebem o mesmo respeito, direito e tratamento na forma de serem contratadas?”.

Alguém tem a resposta?
 
Junho é o mês do orgulho LGBTQIA+, e muitas empresas chamam suas agências para criarem ações que falam do posicionamento da marca em favor da igualdade e do respeito. Para as agências de Propaganda e Relações Públicas, passam um briefing direto e sem concorrência. Para as agências de Live Marketing, passam um briefing para uma concorrência não remunerada com no mínimo três agências que vão trabalhar gratuitamente e apenas uma vencerá. As duas agências perdedoras apenas desperdiçaram tempo, dinheiro e capacidade intelectual e criativa.

Deixo aqui uma reflexão às empresas que brilhantemente apoiam e defendem a igualdade racial, sexual e social em suas campanhas para que repensem se estão praticando mesmo a igualdade em todos os momentos da sua jornada. 
 
Igualdade é respeito! Pratique a igualdade de concorrência!
 

Por: Celio Ashcar Jr.

Sócio da Aktuellmix e Konecte.me