Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Artigos

Marketing para a saúde: do orçamento à mensuração dos resultados

Há dois caminhos para isso: elaborar um planejamento por conta própria ou com o apoio de uma agência especializada em inbound marketing para a área da saúde

Por | 06/06/2017

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Você já enviou uma mensagem como essa para uma empresa que oferecia um serviço que lhe interessava?

"Gostaria de um orçamento para o desenvolvimento de identidade visual e site médico. Sou dermatologista e comecei a atuar há pouco tempo. Aguardo retorno. Obrigada."

Costumo receber mensagens assim e isso me deixa muito satisfeita porque demonstra que é crescente o número de profissionais interessados em marketing para a saúde e, mais do que isso, que compreendem que as ferramentas de marketing são relevantes e eficientes para o segmento em que atuam.

Hoje, as pessoas se relacionam de forma diferente com os serviços que necessitam e utilizam plataformas digitais para realizar essa interação. Elas buscam a informação que desejam quando têm vontade de procurar por ela, no momento que consideram ser o mais oportuno. Muitos profissionais da saúde já compreenderam que é preciso estar preparado para isso e empenham-se, cada vez mais, em informar-se sobre como usar o marketing para a saúde.

Antes de tudo, no entanto, é preciso planejar, pensar em ações estratégicas que façam com que o médico ou a clínica estejam onde o público estiver, sem que essa presença seja agressiva ou se torne incômoda. Há dois caminhos para isso: elaborar um planejamento por conta própria ou com o apoio de uma agência especializada em inbound marketing para a área da saúde. No momento de decisão sobre o que escolher, deve-se analisar qual opção atende mais aos seus interesses, às expectativas, e tem maior chance de gerar resultados.

Às vezes, planejar as ações de marketing para a saúde sem o suporte de uma agência pode parecer livre de custos, quando, na verdade, não o é, já que é preciso investir tempo, conhecimento e experiência para traçar um projeto completo. Você dispõe disso tudo?

Tenho um cliente que diz que menores custos são iguais a menores resultados. Isso, também, não quer dizer que você deva sair contratando uma agência para realizar seu serviço de marketing imediatamente, pois essa não é uma garantia de retorno. Meu objetivo é, apenas, fazê-lo refletir sobre a questão.

Para ajudar, eis algumas dicas sobre o que torna uma estratégia de marketing eficaz.

Dicas de um bom planejamento de marketing para a saúde
Como já disse, o planejamento é um dos pontos mais importantes do marketing para a saúde. É quando são definidos:

  • o objetivo;
  • o público que se quer atingir;
  • as estratégias que serão usadas.

Uma forma bem simples de delimitá-los é questionando-se:

  • Qual é meu interesse ao investir no marketing para a área da saúde?
  • Qual é o perfil dos pacientes que atendo? Como eles chegam até mim?
  • Como posso chegar até eles?

Esse processo, apesar de parecer simples, exige tempo e não deve ser acelerado, sob pena de se pular etapas que podem gerar falhas no decorrer da execução do plano. Geralmente, leva-se de um a dois meses até estruturá-lo suficientemente bem para começar a realizá-lo.

Feito isso, é hora de seguir para a próxima etapa: executar as estratégias planejadas para se aproximar dos potenciais pacientes. Elas podem ser muitas, por isso, sugiro começar pela que parece ser mais promissora.

É fundamental investir tempo e energia nessa fase porque é dela, também, que dependem os resultados da campanha de marketing para a saúde. Dedique-se a escrever conteúdos realmente interessantes para o blog de seu site, a desenvolver um bom site (caso você ainda não tenha um), a publicar conteúdo nas redes sociais e a responder às pessoas que entrarem em contato com você pela internet.

Nunca deixe de responder a um contato. Deixar alguém sem resposta é como jogar fora todo o esforço feito para alcançar seus objetivos. As pessoas gostam de ter suas necessidades atendidas e isso significa que, se elas dedicaram tempo para escrever para você, estão interessadas. Esse interesse só vai se transformar em uma consulta, por exemplo, caso a pessoa obtenha o retorno que espera. Portanto, responda a todos os seus contatos, cordialmente e com agilidade.

Depois, comece a mensurar os resultados. A mensuração é parte importante do marketing para a área da saúde. Geralmente, para saber se uma campanha está dando resultado, é calculado o Retorno Sobre Investimento (ROI), mas essa não é a única forma de medir o retorno que se está obtendo com o marketing.

Existem, também, os cálculos de Custo de Aquisição do Cliente (CAC), Ticket Médio, Lifetime Value (LTV), Taxa de Conversão e a Pesquisa de Satisfação do Cliente. Estude-os, escolha o que considerar mais relevante para sua estratégia e use-o sempre, pois essa é a melhor maneira de observar o que está dando resultado, no que vale investir esforços e o que precisa ser repensado.

Tenho percebido, durante esses anos trabalhando com marketing para a área da saúde, que um médico ou uma clínica que investe em marketing, compreende exatamente como ele funciona e se empenha para que a estratégia dê certo, dificilmente não alcança seus objetivos.

Faça o teste. Caso precise de ajuda, busque uma agência especializada em marketing para a saúde, uma que compreenda seu trabalho e suas necessidades, e com experiência na área. Foque na obtenção de resultados para alcançar mais pacientes e torná-los ainda mais satisfeitos.

Por: Bruna Baumgarten Rezende

Diretora da E-saúde Marketing e especialista em Marketing Digital para a área da saúde






Comentários


Publicidade

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2015.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2017. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss