Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Artigos

Quando a indústria de alimentos educa

Estratégia da Heinz de valorizar ingredientes na embalagem é destaque de artigo, que também aborda outros exemplos de Marketing que utilizaram abordagem semelhante

Por | 21/03/2018

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Desde a virada do século a indústria da alimentação tem demonstrado receio do aumento da regulamentação de rotulagem, o que poderia estimular a reflexão por parte dos consumidores sobre a totalidade da composição dos produtos.

Entretanto, quem pode ter acelerado o movimento de conscientização não foram os órgãos reguladores, mas o ketchup HEINZ. Em fevereiro de 2018 a marca destacou em seu painel frontal a lista de ingredientes do produto: "tomate, açúcar, vinagre, sal, cebola, aroma natural e só".

O que parece ter sido somente uma ação isolada da marca pode ter um efeito de alavancagem de reflexões, levando ao aumento da conscientização dos consumidores e consequente aumento da pressão sobre a indústria como um todo.

É bom conhecer todos os ingredientes da lista, não é? É bom ter uma lista de ingredientes curta, não? É bom ter uma lista visível? Se a marca tem orgulho de sua lista de ingredientes, por que não a destacar?

A marca de refrigerantes saudáveis (ué, refrigerante pode ser saudável?) tem orgulho em destacar sua formulação em seu site. Dá para dar para minhas filhas.

Ingredientes: suco de maçã, suco de limão, água gaseificada, extrato de guaraná, vitamina c e aroma natural de guaraná.

A Heineken fez em 2016 uma campanha com Benício del Toro desafiando e explicando o claim "apenas 3 ingredientes: água, malte e lúpulo. 3 ingrediente conhecidos, bacana.

Por outro lado, o que você esperaria que tivesse em uma linguiça calabresa? Carne mecanicamente separada de ave? Proteína de soja? Corante? Aroma de carne e fumaça? Será que precisa mesmo?

Ingredientes: Carne Suína, Gordura Suína, Carne Mecanicamente Separada De Ave (frango E/ou Peru), Proteína De Soja, Sal, Açúcar, Pimenta Calabresa, Pimenta Preta, Regulador De Acidez: Lactato De Sódio, Aromatizantes: Aromas Naturais De Carne E Alho E Aroma Natural De Fumaça, Antioxidante: Isoascorbato De Sódio, Estabilizantes: Tripolifosfato De Sódio E Polifosfato De Sódio, Conservadores: Nitrito De Sódio E Nitrato De Sódio E Corantes: Carmim De Cochonilha, Caramelo Iv E Vermelho De Beterraba.

A definição atual de Marketing da AMA considera a criação de valor não só para a consumidores, clientes, parceiros e consumidores, mas também para sociedade como um todo. Não sei se a marca HEINZ pensou em todos os possíveis desdobramentos de sua ação, mas podem acertar em algo muito maior do que miraram. Podem trazer o aumento da reflexão e consciência do mercado sobre o que ingerimos no dia a dia, aumento a pressão por uma rotulagem mais clara e uma alimentação mais saudável.

Parabéns HEINZ. Que a sociedade ganhe.

Por: Alexandre Salvador

Professor de cursos de pós-graduação e MBA, incluindo ESPM, FIA e FGV. Doutorando e Pesquisador na área de Gestão de Crise e Educação em Marketing pela FEA/USP


Comentários


Acervo

Publicidade

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss