Login | Newsletter

by

Publicidade
Facebook Mundo do Marketing Twitter Mundo do Marketing Linkeding Mundo do Marketing Google+ Mundo do Marketing RSS Mundo do Marketing Youtube Mundo do Marketing

Mundo do Marketing | Seu portal de Marketing, propaganda e publicidade

Publicidade
Links Rápidos:
Ferramentas |
Pesquisas |
Estudos |
Dicas |
Agenda de Eventos e Cursos |
E-book: 17 serviços de Inbound Marketing

Reportagem Mundo do Marketing

Coca-Cola e o caso do rato encontrado na garrafa: marca se manifesta

Companhia reitera seu compromisso com a qualidade e diz que acusações que vem sendo veiculadas não têm fundamento. Consumidor alega ter encontrado animal morto dentro da garrafa

Por Bruno Garcia, do Mundo do Marketing | 18/09/2013

bruno.garcia@mundodomarketing.com.br

Coca-Cola,polemica,rato,comunicado oficialNos últimos dias, a Coca-Cola se viu envolvida em um possível caso de contaminação, o que levou a companhia a emitir um comunicado oficial se pronunciando sobre a acusação do suposto rato morto que foi encontrado no interior de uma garrafa. A notícia ganhou repercussão na mídia e movimentou as redes sociais, onde logo surgiram montagens com a marca. O consumidor Wilson Resende alega ter tido sérios próblemas de saúde e perdido parte de sua capacidade motora após ingerir, no ano de 2000, o refrigerante contaminado. Wilson havia comprado um pack com seis unidades e após o diagnóstico de intoxicação alimentar ter sido confirmado, encontrou a cabeça de um rato no interior de uma das garrafas que ainda estava fechada. Desde então, ele move uma ação na Justiça contra a companhia.

Em nota, a Coca-Cola informa que segue rigorosamente todos os padrões de qualidade no processo de fabricação e engarrafamento da bebida, seguindo as normas determinadas pelos órgãos regulatórios. O comunicado foi publicado na fanpage da marca, em resposta às acusações que vêm sendo veiculados pela mídia tradicional e na internet.  Veja abaixo o comunicado na íntegra:

"Sobre o caso de um consumidor registrado no ano de 2000 e recentemente veiculado na imprensa, a Coca-Cola Brasil esclarece que:

Todos os nossos produtos são seguros e os ingredientes utilizados são aprovados pelos órgãos regulatórios, em um histórico de 127 anos de compromisso e respeito com os consumidores. Os nossos processos de fabricação e rígidos protocolos de controle de qualidade e higiene tornam impossível que um roedor entre em uma garrafa em nossas instalações fabris.

Lamentamos o estado de saúde do consumidor, mas reiteramos que o fato alegado não tem fundamento e é totalmente equivocada a associação entre o consumo do produto e o seu estado de saúde. Para saber mais sobre a qualidade dos nossos produtos, utilize nossos canais oficiais de comunicação com o consumidor: 0800 0212121 e  http://www.cocacolabrasil.com.br/fale-conosco"

Coca-Cola,polemica,rato,comunicado oficial

Coca-Cola,polemica,rato,comunicado oficial

Aproveite e leia também: Conteúdo e criatividade para se manter entre as mais valiosas. Conteúdo exclusivo para assinantes + Mundo do Marketing. Acesse aqui.



Leia Também

14/08/2013

Coca-Cola quer fazer parte de estilo saudável

Organizações de saúde pedem fim das ações

09/08/2013

Coca-Cola Zero traz app de música em suas latas

Usuário deve escanear as sound waves

01/08/2013

Coca-Cola cria pack promocional de Crystal

Valor unitário cai em até 44%

31/07/2013

Coca-Cola leva cinco pessoas com 100 amigos cada para a Copa

5 sorteados com 100 amigos cada ganham viagem

ArtigosArtigos

Jorge Toledo

Jorge Toledo

A experiência voltada para o cliente

Andrea Janér

Andrea Janér

Dinâmica entre mídias on e offline começa a encontrar novos caminhos

EditoriasEditorias

Mercado

Leite brasileiro ainda peca em qualidade

Leite brasileiro ainda peca em qualidade

Mercado produtor é pulverizado e carece de instrução

Comportamento

Clientes pagam mais em troca de experiência

Clientes pagam mais em troca de experiência

Solução de falhas fideliza 70% dos consumidores

Marca

Design a serviço do shopper

Design a serviço do shopper

Conceito está em embalagens, gôndolas e produtos

Relacionamento

Empresas vão ao Procon para resolver problemas

Empresas vão ao Procon para resolver problemas

Marcas montam balcão de atendimento no órgão

Promoção

Dia das Crianças promete reaquecer varejo

Dia das Crianças promete reaquecer varejo

Intenção de compra dos consumidores subiu para 81%

Digital

O peso da internet nas eleições deste ano

O peso da internet nas eleições deste ano

Equipe dos candidatos travaram “batalha para surdos”

Planejamento

Atenção agora se volta para Olimpíadas

Atenção agora se volta para Olimpíadas

Marcas já devem dar início às ativações esportivas

Pesquisa

5 comportamentos do jovem consumidor carioca

5 comportamentos do jovem consumidor carioca

Perfil está mais consciente em relação ao consumo

PDV

Onda dos Food Trucks chega ao Brasil

Onda dos Food Trucks chega ao Brasil

Modelo é comum nos EUA e promete bom custo-benefício

Publicidade

Anunciar é fundamental para vender no Facebook

Anunciar é fundamental para vender no Facebook

Redução do alcance de postagens afetou negócios

Dilma ou Aécio? O que esperar?

Dilma ou Aécio? O que esperar?

Certo está que 2015 será um ano difícil

Atenção agora se volta para Olimpíadas

Atenção agora se volta para Olimpíadas

Marcas já devem dar início às ativações esportivas

Fiat lança livro de fotos feitas de dentro de c

Fiat lança livro de fotos feitas de dentro de c

Imagens foram feitas pelo teto solar do 500 Cabrio

Lenovo conclui compra da Motorola

Lenovo conclui compra da Motorola

Será 3ª maior fabricante de smartphones do mundo

Cinemas dos EUA banem Google Glass das salas

Cinemas dos EUA banem Google Glass das salas

Indústria busca evitar pirataria

A verdade: nenhum produto se sustenta apenas com boas histórias

A verdade: nenhum produto se sustenta apenas com boas histórias

Não há atalhos para se perpetuar, nem com mentiras

Livro Pesquisa Criativa aborda inovação

Livro Pesquisa Criativa aborda inovação

Lançamento é da editora Elsevier

Dinâmica entre mídias on e offline começa a encontrar novos caminhos

Dinâmica entre mídias on e offline começa a encontrar novos caminhos

O que motivará a leitura das mídias tradicionais?